Aplicativo, código, linguagem de programação, App Inventor, plano de negócios, Swift, Python, tecnologia. Poderíamos passar o dia listando todas as palavras, expressões e termos que um dia foram distantes das meninas de Salvador. Em toda a sua existência o desafio Technovation chegou para muitas cidades, mas faltava Salvador entrar no mapa do desafio de empreendedorismo e inovação para meninas do ensino fundamental e médio, que permite que estas meninas criem e se desenvolvam no mundo das startups..

Sabe aqueles eventos que você sempre teve vontade de participar e nunca teve oportunidade? Aqueles  que você vê acontecendo em determinadas cidades do país e fica louco pra ter na sua?  O Technovation foi um desses eventos. Em 3 anos no Brasil nunca tinha acontecido em Salvador até no final de 2015 quando tomamos coragem, trouxemos ele para cá  e contagiamos as meninas com um desafio diferente.

Foram 5 meses de trabalho em equipe, correria, experiência, superação, dedicação e surpresas. O Technovation começou com o trabalho de “formiguinha” de passar o documentário Code Girl em Salvador. Exibido na Unifacs, no IFBA e na Saraiva o filme permitiu a pais, meninas e voluntários conhecer melhor o desafio e se engajar conosco nessa temporada. Depois era hora de convencer as escolas a nos deixar abrir oportunidades para suas alunas do ensino fundamental e médio e por fim convencê-las que SIM, elas podem mudar o mundo a sua volta através da tecnologia e empreendedorismo.

A temporada começou com 30 meninas entre 12 e 18 anos de escolas e bairros diferentes de Salvador e fechamos o projeto com 7 participantes. As saídas ocorreram por motivos diversos: choque de horário, greve em colégio, distância, mas nada disso fez com que ficássemos desanimadas e nem mesmo desanimou as meninas, que trocaram suas manhãs de sábado por horas de códigos, atualizações, blocos, pesquisas de mercado e apresentações em pitch.

Fechamos a competição com 2 equipes e 2 aplicativos. O Rede Saúde que  mapeia os postos de saúde da cidade e mostra suas informações básicas(endereço, telefone e especialidades) e o SOS Salvador onde os usuários identificam e reportam locais inseguros na capital baiana.

Na divulgação dos resultados, a surpresa mais esperada, chegamos a semifinal brasileira com o app Rede Saúde, na primeira vez que participamos! E é isso que trazemos de combustível para começar esse blog, que registrará a segunda temporada do Technovation Challenge Salvador. Isso só fez aumentar a força de vontade para continuarmos a motivar mais meninas para não só o mundo da tecnologia, mas para abrir seus horizontes para caminhos novos e desafiadores.

Durante esse período ensinamos, aprendemos, erramos, acertamos e nos superamos, mas com a certeza de que alguma forma mudamos um pouco a vida dessas meninas. E como o projeto começa nelas, é pra elas, com elas e sobre elas, com a palavra Gisele Mologni, participante do Technovation Challenge 2015!


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *