O que dizer quando uma comunidade decide se reunir para fazer uma grande confraternização e falar sobre a representatividade feminina durante o evento?

O PHPeste de 2016 foi realizado aqui em Salvador e contou com uma grade de palestras e mini cursos sensacionais e no encerramento do primeiro dia tivemos a oportunidade de participar de um fishbowl com as comunidades femininas de TI daqui da capital Baiana.

O tema foi a questão das poucas mulheres nos cursos de informática e a representatividade e uma pergunta foi lançada aos homens da plateia: “O que você faz para estimular a sua filha a se interessar por tecnologia?”

2.jpg

O tema gerou várias discussões, desde a escolha do brinquedo para as crianças até a falta de representatividade feminina na área.

Dia 11.10.16 foi comemorado o Ada Lovadece Day, que foi a primeira programadora do mundo, mas poucos sabem disso,por que na maioria das vezes quando falam de uma tecnologia falam de Mark Zuckerberg, Steve Jobs,Bill Gates e nunca falam o nome de uma mulher parece que quem criou tudo foram os homens…. As meninas não são estimuladas a irem para a área de exatas e quando vão sofrem dentro da sala de aula por ser as vezes a única mulher em uma sala de 40 alunos. Mal sabem que tivemos grandes mulheres na ciência e tecnologia tipo: Grace Hopper desenvolvedora da linguagem COBOL, Joan Clarke que ajudou Allan Turing na decodificação da enigma na 2° guerra mundial, entre outras que merecem um post especialmente para isso.

Por isso as comunidades femininas de TI estão crescendo pelo Brasil para mostrar que as mulheres podem sim serem programadoras, matemáticas, físicas, alias o que elas quiserem, além de criarem representatividade para essas meninas que ainda não sabem o que querem “ser quando crescerem” ou já sabem e estão perdidas ainda.

E exemplos de comunidades de TI para mulheres são: OxenTI Menina, a Pyladies, o Onda Digital da UFBA, Woman Techmakers, PHP Woman, Mulheres na Computação e várias outras iniciativas pelo Brasil a fora.

3


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *